Estrela da Mogiana

Notícias > Podcast Vozes da Notícia

Vozes da Notícia #10: Mulher na sociedade e seus desafios, conquistas e lutas por igualdades

por Bruno Giannini em 01/05/2020 Logo do Podcast Vozes da NotíciaA luta das mulheres por igualdade e respeito na sociedade data de séculos atrás. Desde as que eram consideradas bruxas e perseguidas na idade média, por se rebelarem contra o sistema, até as sufragistas, que foram às ruas para conquistar o direito ao voto, é impossível separar os períodos importantes da humanidade das conquistas feministas que acompanharam o passar dos anos. Este é o tema do décimo episódio do Podcast Vozes da Notícia do site Estrela da Mogiana.
 
Graças ao movimento feminista que surgiu na década de 60, questões levantadas desde os finais da década de 20 vieram à tona e começaram a expandir e, principalmente, questionar o lugar da mulher na sociedade em seus diversos âmbitos.
 
O combate à estrutura patriarcal é sim muito mais discutido hoje em dia. E esta questão, por si só, quando paramos para pensar em todo o processo que nos trouxe até aqui, já é um problema. Obviamente não pela discussão – que além de necessária é um direito das mulheres – mas sim pela demora que ocorreu até que mulheres tivessem liberdade para falar abertamente sobre suas vontades, necessidades e escolhas.
 
Uma projeção feita pelo Fórum Econômico Mundial no fim de 2018 revela que ainda serão necessários mais de dois séculos para haver igualdade entre os gêneros no trabalho.
 
Já em outras áreas, como acesso à educação, saúde e representação política, as desigualdades entre homens e mulheres precisarão de 108 anos para chegarem ao fim.
 
Prova disso é que as mulheres ainda têm sobrecarga maior de trabalho doméstico, salários mais baixos para funções de mesmo nível, e sofrem violências motivadas por gênero.
 
O episódio desta sexta-feira, 1º de maio, conta com a participação de três convidadas muito especiais: a socióloga e professora da PUC-Campinas, Stela Cristina de Godoi, a vice-presidente da OAB - 3a. subseção de Campinas, Luciana Freitas e a pesquisadora da Revolução Constitucionalista de 1932 e presidente do 10° Núcleo MMDC Trincheiras de Jaguariúna, Maria Helena de Toledo Silveira Melo.
 
Áudio:
Compartilhe:
Comente: