Estrela da Mogiana

Notícias > Culinária e Histórias

E as festas de final de ano continuam, mas como ter uma alimentação saudável

por Redação em 29/12/2018 Flávia e Giancarlo dão dicas de uma alimentação saudável (Foto de Fabiana Murgel)O Natal já passou, mas as festas de final de ano continuam nesta semana. E uma bela ceia pode ser gostosa e saudável, mas o importante é fazer boas escolhas. O chef especializado em comidas saudáveis Giancarlo Maggioni, e a coach de saúde Flávia Baldini – ambos empresários da Marrie & Co, em Campinas – dão dicas de como comer de forma nutritiva nas festas de fim de ano.
 
Na hora de escolher os alimentos, a coach Flávia Baldini orienta evitar molhos pesados, saladas com maionese e gordura em excesso. Em relação às carnes, a dica é preferir as brancas como chester e peixe, pois têm melhor digestibilidade.
 
As frutas secas ou desidratadas podem ser vilãs nas ceias, pois perdem apenas água, possuindo alta concentração de frutose e muitas vezes contém açúcar branco adicionado. Por perderem apenas volume, a tendência que é comamos mais delas.  É melhor optar pelas frutas in natura, já que são “alimentos vivos”, o que significa que as enzimas estão mais ativas e são sempre deliciosas para acompanhar desde saladas até sobremesas.
 
As castanhas também têm destaque, mas com ressalvas. "São excelentes, possuem gordura boa e dão saciedade. Porém, têm alto valor calórico e o consumo deve ser moderado", orienta.
 
E nas ceias, diante de tantas delícias, Flávia Baldini explica sobre o comportamento para uma refeição equilibrada. "Não belisque aqui e ali, monte um prato bem bonito e colorido de salada, sente-se para comer com a calma que o momento pede.  Depois, mais tarde, escolha uma proteína e um acompanhamento. A essa altura você comerá muito menos. Fique sempre atento ao tamanho das porções e não coma com pressa. Consumir alimentos com muita rapidez leva a excessos, então relaxe e aproveite o momento" ressalta a coach.
 
O chef Giancarlo Maggioni montou um cardápio com sugestões de pratos saudáveis, dicas e substituições que fazem a diferença. "É o equilíbrio, sem radicalismo", conta o chef.
 
Entrada
 
Troque o Salpicão por Salada de Grão de Bico - Vamos dar uma roupa nova ao tradicional salpicão. Use o grão de bico na salada, que é um é coringa nutricional: boa fonte de proteínas e carboidrato. Possui fibras, ferro, zinco, fósforo e vitaminas do complexo B.
 
Dica: sempre deixe o grão de bico de molho no dia anterior, por cerca de 12 horas com um pouco de vinagre, trocando a água. Além de melhorar a digestão com a diminuição dos anti-nutrientes, como fitatos e taninos, você também reduz o tempo de cozimento.
Podemos usar o bacalhau desfiado no lugar do frango, deixando o prato mais leve. O bacalhau é ótima fonte de ômega 3 e 6, proteínas, e vitaminas, como A, D, E e do complexo B e pobre em calorias. Acrescente salsão, cenoura, e salsinha picados e tempere com azeite extra virgem, sal, limão espremido, raspas de limão e pimenta do reino. Adicione ainda nozes para deixar a salada crocante e mais saborosa.
 
Sobremesa
 
Rabanada saudável com coco
Pequenas alterações nos ingredientes e no preparo transformam o prato. Dica: substitua o leite comum pelo de coco e, se possível, prepare o seu caseiro. (Basta usar coco fresco em pedaços, amornar um pouco de água mineral e bater o coco e a água no liquidificador por cerca de 5 minutos, coando em seguida em guardanapo de voal. Controle a quantidade de água conforme a consistência desejada. Dura dois dias na geladeira).
Além do leite de coco fornecer nutrientes, como fósforo, magnésio, potássio e vitaminas do complexo B, ele tem um sabor incrível. Ele é uma das melhores fontes da gordura benéfica chamada ácido láurico, que ajuda a diminuir os níveis de LDL e aumenta o HDL (que é o colesterol bom) e ainda tem atividades antibacterianas e antivirais.
 
Substitua o pão branco e troque o açúcar
Pode ser pão 100% integral de sua preferência, de fermentação natural ou sem glúten, se for intolerante ou celíaco. O açúcar de coco oferece alguns benefícios para a sua saúde que o branco não: menor índice glicêmico e traços de ferro, zinco, cálcio, potássio, alguns ácidos graxos de cadeia curta, polifenóis e antioxidantes, e uma fibra conhecida como inulina. Em calorias, praticamente possui a mesma quantidade que o branco comum, então use moderadamente. Uma opção interessante é fazer um mix com o adoçante eritritol, encontrado em casas de produtos naturais, para não carregar tanto no açúcar de coco e obter o sabor docinho que tanto adoramos.
 
 
Asse ao invés de fritar
Elimine muitas calorias e excesso de óleo somente com essa troca simples, deixando a rabanada muito mais leve. Asse no forno e salpique coco em lascas ou flocos. Finalize com canela em pó e mais um pouquinho de açúcar de coco.

Comidas saborosas e saudáveis para o final de ano (Foto de Fabiana Murgel)
 
 
 
 
 
 
 
Compartilhe:
Comente: